sexta-feira, 13 de maio de 2011

Rápidas…

NOVO VISUAL – O blog AD FINEM (http://www.islamaracosta.com/ ), que é moderado pela Professora Islamara Costa , está de visual novo. A página recebeu uma nova roupagem e está com traços de profissional. Todo trabalho foi desenvolvido pelo também blogger Paulinho Xaxá. Parabéns a Islamara pela iniciativa de melhorar o espaço visando uma melhor leitura pelos seus webleitoes. Espero criar coragem e tempo para fazer o mesmo no O Cotidiano.

NOVO BLOG – Por falar em blog, gostaríamos de divulgar a criação de mais um espaço virtual dixseptiense. Trata-se do http://altocartuchos.blogspot.com/ . O Alto Cartuchos é um empreendimento genuinamente dixseptiense, no ramo de reciclagem e vendas de cartuchos, toner´s, e de manutenção de impressoras. A organização é dos filhos de Zezé.

BATALHA – A Prefeita Lanice Ferreira conseguiu vencer a batalha contra o patrimônio histórico-cultural do município, pois segundo informações recebidas por este blogger, a Juíza Ana Claudia Secundo, decidiu pela continuidade da construção da escola, indeferindo consequentemente o pedido do Ministério Público.

PEDIDO – O pedido do Ministério Público estava relacionado à paralisação da obra da escola da pró-infância, que está sendo construída ao lado da antiga estação ferroviária, onde segundo a Promotoria Pública, causou prejuízo ao patrimônio histórico do município, e ainda por cima está causando transtornos, em dias de chuva, aos moradores da rua Sebastião José de Souza.

7 comentários:

  1. É a alguns dias vc divulgou q no Ceara a decisão foi a favor do patrimonio historico e cultural daquele Estado. Pena que agente além de estarmos no RN estamos estamos na cidade de Gov. Dix sept Rosado onde tudo acontece de errado e fica por isso mesmo, ate a justica decide a favor do errado. Hudson carlos

    ResponderExcluir
  2. Ninguém comenta que o piso salarial para professores é lei, e que desde algum tempo que professores dixseptienses vem sendo lesados com a desculpa que a folha de pagamento já atingiu o limite; e daí o piso é lei e queremos somente que nossos direitos sejam cumpridos,o piso é o salário base, este anda longe de estar igual ao piso nacional da educação, sem contar que o ano passado o piso salarial foi reajustado em mais de quinze por cento e nosso salário nada mudou, vamos lá classe trabalhadora!È chegada a hora, vamos juntos lutar pelo que é nosso de direito! Dia 26 de Maio parada de advertência,seguida por assembléia as 8:00h e quem sabe saiamos com um indicativo de greve?Já chega de fechar os olhos para o descaso na educação, vamos começar pela valorização profissional

    ResponderExcluir
  3. Caro Hudson,

    Para se ter uma idéia o caso da cidade de Senador Pompeu-CE, estava relacionado tão somente a omissão do Poder Público Municipal. No caso do nosso município, além da omissão tem ainda a destruição. Mas como você bem frisou: estamos numa pequena e pacata cidade do Rio Grande do Norte.

    ResponderExcluir
  4. ganhamos mais uma kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.
    e olha que o gerozinho ainda vem ai
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    ps vc deve de estar com muita raiva em dedeu,
    tome remediokkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

    ResponderExcluir
  5. A questão referente à construção da escola e, em consequência, destruição de parte do patrimônio histórico do município (no caso boa parte da calçada da estação ferroviária) ainda não foi decidida. A juíza apenas indeferiu o pedido de antecipação de tutela feito pelo Ministério Público. O mérito da questão ainda vai ser julgado. Apesar de que, pelos fundamentos utilizados pela magistrada para indeferir o pedido de antecipação de tutela, tudo leve a crer que o descaso com o patrimônio histórico do município não vai acarretar em maiores conseqüências em desfavor dos responsáveis. Pelo estado avançado das obras, até concordo com a argumentação da magistrada de que refazer a obra seria um prejuízo maior para a coletividade. Porém, deixar um fato desse naipe passar impune é dar liberdade demais para os nossos “gestores”.// Por falar em estação ferroviária, o tão badalado fato da destruição da calçada não é o único exemplo de descaso com aquele prédio. Os mesa-tenistas e enxadristas que freqüentam uma das salas daquele espaço bem sabem disso. O espaço destinado a citados esportistas apresenta infiltração no forro. Referida sala nunca é limpa, sendo que os próprios atletas precisam providenciar a limpeza do local. O prédio é repleto de ninhos de pardais, e quando recebemos a sala encontramos parte de um bebedouro que simplesmente servia de ninho, provavelmente, a uma família de pardais.

    ResponderExcluir
  6. GILSON GUILHERME BEZERRA DE FREITAS15/05/2011 21:52

    olha haí jocigleuson: Um ANÔNIMO, desses que não tem mesmo coragem de se identificar, vangloria-se covardemente, dizendo que ganharam mais uma. Veja só, quanta pobreza. Descreve também, que o CHEROSO vem haí. Há! isso sim; é verdade, é fato. Porém, jamé o CHEROSO concordaria ou praticaria tamanha burrice. Até por que, ELE é do ramo. Que anônimo burro e infeliz com comentário pobre...

    ResponderExcluir
  7. Comentários desse tipo só mostra a que ponto chegou esse grupo situacionista. Lamentável...

    ResponderExcluir