terça-feira, 20 de março de 2012

Sobre a Política Dix-septiense

Faremos aqui uma análise da forma mais sucinta possível de como se encontra a atual conjuntura política dix-septiense.

Estamos a exatamente 06 meses e 17 dias das eleições municipais e parece que o grupo da situação se encontra meio perdido na formação da sua chapa majoritária para a próxima disputa eleitoral. Depois da decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) confirmando a Constitucionalidade da Lei da Ficha Limpa, onde deixou o ex-prefeito Gilberto Martins definitivamente inelegível, o grupo, que ainda apostava no nome do ex-prefeito, anda atônito para confirmar sua chapa.

Porém, antes mesmo da decisão do STF, o nome da Assistente Social, Aisa Costa, vinha sendo colocado praticamente de forma oficial como o nome de cabeça de chapa do grupo situacionista, mas essa possibilidade com o passar dos dias vem se tornando cada vez mais improvável.

Basta verificar que a Assistente Social não aparece, praticamente, em nenhum evento oficial no sentido de dar visibilidade ao seu nome como candidata da situação. Um dos motivos que poderia estar ligado à provável não candidatura de Aisa, seria o posicionamento contrário de sua família ao seu envolvimento na política, além da não aspiração da mesma com a política, pois Aisa já deixou transparecer várias vezes que não gosta de política partidária. Além de tudo isso, o nome da ex-primeira dama não vem tendo um bom desempenho em pesquisas eleitorais realizadas pelo seu grupo.

No programa de rádio do ex-prefeito Gilberto Martins, o mesmo deixou transparecer a possibilidade de sua mulher não ser candidata, e ainda, colocou mais três nomes dentro do grupo situacionista que poderiam disputar a próxima eleição. Os nomes colocados por Gilberto Martins foram: dos Vereadores Ricardo Martins e Antonio Bolota, e do Advogado Tarcisio Bacatela. Segundo o ex-prefeito o grupo se reunirá nesta terça-feira dia 20/03, no sentido de formar a chapa que será apoiada pela prefeita Lanice Ferreira.

Pelo o outro lado, o grupo liderado pelo ex-prefeito Anax Vale, as coisas já estão bem mais definidas. As pré-candidaturas do ex-prefeito Anax Vale e do ex-vereador Adonias Melo, como prefeito e vice, respectivamente, já estão postas, há vários dias. Além disso o grupo se apresenta no momento com aproximadamente 30(trinta) pré-candidatos a vereador.

O grupo de oposição já se reuniu algumas vezes para dar um direcionamento inicial visando a eleição do próximo dia 07 de outubro. Inclusive na última reunião realizada no sitio Bamburral, o ex-prefeito Anax Vale apresentou o Jornalista Neto Queiroz da cidade de Mossoró como marqueteiro da campanha do grupo.

Ainda temos dois grupos que são importantes na corrida sucessória municipal, o PT e o PHS. Os dois, pelo que tudo indica, não terão candidatos próprios a prefeito em Governador Dix-sept Rosado, mas apresentarão uma chapa proporcional na busca de uma vaga no Palácio Lourenço Cruz, porém, até agora, não decidiram que caminho irão seguir, se na oposição, ou juntamente com o grupo de situação.

Enfim, resumindo, a conjuntura politica dix-septiense atual está assim: o grupo da situação perdido, sem saber até agora quem será seu candidato; o grupo de oposição liderado por Anax Vale com uma chapa majoritária consolidada, tendo o mesmo como cabeça de chapa e Adonias Melo como vice; e o PT e PHS que tentarão uma vaga, cada um, na Câmara de Vereadores, porém sem uma decisão, até agora, de quem apoiar para prefeito.

2 comentários:

  1. Francisco José20/03/2012 09:59

    Como a coisa não anda muito bem para o PMDB local, tenho certeza que o ex - prefeito Gilberto Martins não irá colocar o nome de sua esposa para concorrer a prefeitura desse ano. Acredito que, com o nome de Anax Vale, em grande evidência, poucos dos pré-cadidatos do PMDB, arriscarão enfrentar nas urnas o ex- prefeito Anax vale.

    ResponderExcluir
  2. Jovem Dix-septiense
    Idenpendente de quem ganhe nas urnas , é preciso que o eleito procure buscar meios para proporcionar a população oportunidades de emprego já que aqui é bem excasso, muitos todos os dias precisam ir para a cidade vizinha para trabalhar , consequentemente a renda ficará lá. Também que sejam investido mais na educação tecnica e superior. Ta na hora de acabar com as politicagens, se unirem e em vez de visarem o salario no final do mês olhar mais para a cidade, para a população e pararem de fazer promessas que nao poderão cumprir.
    REFLITAM Politicos de Gov. Dix - Sept Rosado.PAREM E PENSEM.

    ResponderExcluir