quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Rápidas…

CONCURSO I - Analisando os horários e locais de provas, consegui perceber um fato inusitado. Os candidatos que se inscreveram para o cargo de ASD (Auxiliar de Serviços diversos), e para Assistente Administrativo irão realizar a prova em dois dias. Isso quer dizer que no mínimo haverá duas provas diferentes em um mesmo concurso e para um mesmo cargo.

CONCURSO II – Em toda minha vida de concurseiro, e olhe que faz tempo, nunca vi um fato desses. Ora, serão dois pesos e duas medidas, quem irá me afirmar que uma prova não esteja com um nível mais elevado do que a outra? E mesmo que as provas estejam no mesmo nível, as questões serão diferentes, sendo assim, com certeza alguém sairá prejudicado, pois estão sendo avaliados por questões diferentes.

CONCURSO III - Em todos os concursos que me submeti, quando existiam dois, três, quatro tipos de prova, na verdade, às questões que estavam impressas nos cadernos de questões, eram as mesmas. Só modificavam a posição de cada uma. Consequentemente a prova era a mesma. Mas este caso é diferente haverá questões diferentes, para um mesmo cargo. Sem sombras de dúvidas isso é questionável. Ou então a prova será a mesma. Se assim for aí é que o negócio fica desmantelado.

CONCURSO IV – Se estes horários continuarem assim, com o mesmo cargo em horários diferentes, tudo leva a crer que o concurso irá ser questionado na justiça, pois não existe isso: um mesmo cargo com provas diferentes ou então a mesma prova em horários também diferentes. Alô Ministério Público!

10 comentários:

  1. Outro fato interessante é as provas de Assistente administrativo e de monitor de programas sociais serem em dias diferentes.
    Vendo o conteúdo programado no edital podemos perceber que as provas ou serão idênticas ou com o mesmo nível. E o mais interessante foi saber que existem pessoas que irão fazer a prova pra Assistente administrativo e pra monitor de programas sociais.
    Eita que parece que a terceira anulação vem aí, prato cheio pra quem é contratado pela prefeitura.

    ResponderExcluir
  2. Sem dúvida tudo sobre esse concurso, é com Duvida
    até parentes de fiscais fazerem provas isso se acontecer é nulo pois muitas pessoas ligadas aos ficais por EX primos,irmãos e stc.Ja estão com suas inscrições confirmadas é só oilhar nas listas que contemplarar os nomes dos filizardos

    ResponderExcluir
  3. Caro Jocigleuson, é esperar demais que um concurso nessas condições seja “limpo”, até prq sabemos que a última seleção feita por nossa PREFEITA, há indícios de marmelada pura. E outra, as mesmas pessoas que passaram na seleção, estão concorrendo também agora. Vc tem dúvida de quem vai passar? EU NÃO. ALÔ MINISTÉRIO PÚBLICO. VEM BOCA QUENTE POR AÍ

    ResponderExcluir
  4. ja era de se esperar,num é novidade irregularidades,ja que a seleção passada...
    feita por eles,num vou nem comentar né
    num precisa,todos ja conhecem.

    ResponderExcluir
  5. A FUNDAÇÃO JOÃO DO VALE, É UMA EMPRESA RESPEITADA E RENOMADA NACIONALMENTE, DIFERENTEMENTE DA EMPRESA SOLUÇÕES E VC SABE DISSO CARO BLOGGER, VC SABE DA CAPACIDADE DA REFERIDA INSTITUÍÇÃO, VC SABE QUE A MESMA TEM CONDIÇÕES DE REALIZAR VARIOS TIPOS DE PROVAS QUE CONTEMPLEM TODO CONTEUDO PROGRATICO DE FORMA QUE OS CANDIDATOS SEJAM AVALIADOS COM TODA IMPARCIALIDADE, QUE É CARACTERISTICA PECULIAR DE UMA EMPRESA SÉRIA. OUTRO PONTO A SALIENTAR PARA VC, É QUE DEVIDO AO GRANDE NUMERO DE INSCRITOS APTOS A FAZEREM AS PROVAS (5.570)NÃO HAVERIA A MÍNIMA CONDIÇÃO DAS PROVAS SEREM REALIZADAS EM APENAS UM DIA, E VC SABE DAS CONDIÇÕES ESTRUTURAIS DAS ESCOLAS EM RECEBER UM QUANTITATIVO DE GENTE TAO EXPRESSIVO COMO ESSE.

    ResponderExcluir
  6. E pq essas provas num são realizadas em mossoro,
    já sei q vc é um dos contemplados ou seja será aprovado.

    ResponderExcluir
  7. Com palavras não se resolve a situação que o ai de cima citou, todo certame com o portugues mais pratico tem que ser claro e Objetivo dentro das legalidades.

    ResponderExcluir
  8. quantos concursos de outras cidades vcs fizeram aqui? deixem de serem idiotas. vão fazerem a prova primeiro e depois reivindiquem o que for necessário.

    ResponderExcluir
  9. Isabela Rodrigues30/08/2010 23:57

    Realmente nenhum, porque as cidades suportaram a demanda. Quanto ao resto... é só esperar. Começando desse jeito... sendo onde é...

    ResponderExcluir
  10. Afinal quando serão aplicadas as provas?

    ResponderExcluir